Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Busco em mim algo de bom que anestesie minha dor e paralise meus pensamentos ,minha necessidade de tua presença é tão urgente que procuro a minha alma e desaproprio meu coração de mim mesma, unica moradora desse pedaço do meu corpo que bate descompensado num ritmo que eu sou incapaz de acompanhar ...enloquecedor é assim que esse amor me deixou, não me encontro, não me acho diante de tanta saudade e dor e sem espectativa de volta , espero silenciosamente minha morte anunciada ...que amor foi esse que me transformou, me impediu de sonhar , quem sou eu agora, se não uma mulher sem voz, vontades , sorrisos...inacabada, infeliz, desacompanhada de mim mesma, vesetida de mágoas numa escuridão sem fim, sem ti...AC

Nenhum comentário:

Postar um comentário