Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Me salva de mim " senhor "

Senhor, me salva de mim....me transforma em esperanças, me faz acreditar que existo e sou tua criação, arranca de mim as impurezas, mágoas , dores me fazendo dona de um coração renovado...
Não me deixa só! me transforma em amor, cura a minha dor, me faz ser felicidade,me dá tua luz, para que essa escuridão não mais seja sentida, me dá teu colo , me faz esquecer o passado, transforma a minha vida....Amém. AC

Medo!!!!!

Tenho medo de amores novos, de dores novas , de mais uma vez apanhar da vida...
Tenho medo de desilusões , de lagrimas a molharem meu rosto, de sorrisos esquecidos, de vida sem vida....
Tenho medo do distante, do escondido, do misterioso ...
Tenho medo da espera, de sonhos interrompidos e de mais uma vez nunca te ver chegar......
Não sei se ouço a razão ou o coração, mais para que a pressa , pode ser que ela me impeça de jamais esquecer a desilusão....AC

terça-feira, 30 de agosto de 2011


Só estou fazendo a minha parte.
 

Contamos com você.

 
Um pequeno pedido...
Apenas uma linha...

Querido Deus, peço pela cura do câncer e para todas as pessoas que padecem com esse mal.
Amém.

 
cid:1.1805690266@web57802.mail.re3.yahoo.com
Tudo que você está convidado a fazer é manter esta vela circulando e pedindo a outras pessoas para orarem pela mesma intenção. Mesmo que seja apenas mais uma pessoa.
Em memória de alguém que você sabe que foi abatido por um câncer ou ainda vive com ele.
A vela representa luz e Deus é luz.
Por favor, mantenha esta vela circulando.
Deus lhe pague.


"A experiência não é o que acontece com o homem. É o que o homem faz com o que lhe acontece." ( Thomas Jefferson )

O TEMPO PASSA, OS HOMENS QUE SE CUIDEM, KKKKKKKKKKKKKK


Meu nome é MULHER!
 
Eu era a Eva
Criada para a felicidade de Adão
Mais tarde fui Maria
Dando à luz aquele
Que traria a salvação
Mas isso não bastaria
Para eu encontrar perdão.
Passei a ser Amélia
A mulher de verdade
Para a sociedade
Não tinha a menor vaidade
Mas sonhava com a igualdade.
Muito tempo depois decidi:
Não dá mais!
Quero minha dignidade
Tenho meus ideais!
Hoje não sou só esposa ou filha
Sou pai, mãe, esteio de família
Sou caminhoneira, taxista,
Piloto de avião, motorista de onibus, policial feminina,
Operária em construção, e
Até Preisidente(a) ..
Ao mundo peço licença
Para atuar onde quiser
Meu sobrenome é COMPETÊNCIA
E meu nome é MULHER !!! 


(Enviar a todas as MULHERES MARAVILHOSAS e aos homens inteligentes)

segunda-feira, 29 de agosto de 2011


Como melhorar a auto estima

Como melhorar a auto-estima
Muitas pessoas andam sem motivação para nada e às vezes acabam fazendo alguma besteira porque estão com a auto-estima lá embaixo.
A baixa auto-estima é resultado de tarefas que não puderam ser concluídas, desilusões amorosas, trabalho sem devido reconhecimento, enfim, muitos são os fatores que podem acabar influenciando para que você fique triste e deprimida.
Entretanto, quando você esta assim o melhor que se tem a fazer é ligar para aamiga  e pedir um conselho, tentar não pensar no que te motiva a ficar chateada e até mesmo colocar uma pedra em cima do problema e seguir o caminho.
Sendo necessário que você siga algumas dicas para que possa melhorar sua auto-estima, tais como:
• Assuma seus defeitos e se aceite do jeito que você é. Não se trata de ser acomodado, pelo contrário. Tente melhorar o que for possível, mas não exagere buscando perfeição em tudo. Essa busca é infinita, e você pode estar desperdiçando tempo e esforços que poderiam ser dedicados a outras atividades mais produtivas e prazeirosas.
• Transforme os lamentos em decisões. Deixe a atitude passiva de lado e assuma para si a responsabilidade de promover mudanças.
• Escolha objetivos possíveis, mesmo que você tenha que conquistá-los pouco a pouco. Metas inatingíveis são o caminho mais fácil para a frustração e uma nova recaída na auto-estima.
• Trabalhe seu auto-conhecimento questionando sobre seus valores e analisando o que é realmente importante para você. Isto vai ajudá-lo a tomar decisões e mudar atitudes.

Conselhos para melhorar a autoestima feminina

auto-estima feminina
A autoestima se refere ao amor que a cada pessoa tem para si mesma. A verdade é que o ser humano se relaciona consigo mesmo de forma constante através do pensamento já que, ao longo do dia, surgem tantas idéias em nossa mente que nos é impossível recordá-las.
No entanto, o pensamento pode ser positivo ou negativo, portanto, pode gerar uma sensação de bem-estar ou não, através da negatividade qualquer garota pode converter-se na pior inimiga de si mesma. Para reforçar sua autoestima deve ter presente que tem que aprender a tratar a ti mesma do mesmo modo que tratarias a seu melhor amigo. Isto é, em vez de julgar-te quando cometes um erro, deve compreender e aceitar os acontecimentos como uma oportunidade para aprender no futuro.
A autoestima não é uma qualidade inata do ser humano, mas um bem que pode ser melhorado e aperfeiçoado ao longo dos anos. Por isso, deve potenciar tua capacidade de superação pessoal rodeando de amigos que te ajudam a ser uma melhor pessoa e evitando a companhia de quem te criticam de forma constante e restam-te energia vital.
Auto-estima não é uma qualidade inata do ser humano, mas um ativo que pode ser melhorado e aperfeiçoado ao longo dos anos. Portanto, você deve aprimorar sua capacidade de crescimento pessoal dos amigos em torno de você para ajudá-lo a se tornar uma pessoa melhor e evitar a companhia daqueles que criticam constantemente e te consome energia vital.
Para reforçar tua autoestima deve ter segurança em ti mesma.
A correta autoestima para um mesmo é clave para poder atingir o sucesso no plano pessoal mas também é muito importante no campo de trabalho. Por exemplo, quando você vai a uma entrevista de trabalho deve acreditar em tuas possibilidades, tem que mostrar segurança em ti mesma na hora de mostrar teu potencial e tua criatividade, porque se dúvida de ti então não poderás transmitir a firmeza necessária para que uma empresa te dê uma oportunidade.
Sem dúvida, quando perde a fé em ti tem que olhar atrás para recordar todos aqueles desafios que superaste com sucesso no passado porque assim poderás observar de maneira objetiva tuas virtudes e qualidades.
Se te interessa a psicologia então podes animar-te a realizar um curso sobre Inteligência Emocional que te permitirá adquirir algumas ferramentas psicológicas muito úteis para a prática do dia-a-dia.

sábado, 27 de agosto de 2011

Vem amor deitar-se em meu peito , no meu aconchego,protegido descansar ...
E nesse momento repousa teus pensamentos em mim , fecha os olhos....
Quero te sentir calmo , sereno,quero que sintas meus olhos a te velar e nos teus sonhos quero estar...
Amor, vou esperar seu despertar,para que mais uma vez me possuas , tua serei até que em mim,não exista mais força para suportar o prazer que me dás. AC
O teu amor me encanta, me acalma me faz meio boba...
O teu amor me engrandece, me tranquiliza, me faz sorrisos ,me sinto viva...
O teu amor me enebria , me trás harmonia , alegria...
O teu amor me alimenta , me faz caminhar, sonhar, estar sempre sedenta de vc, com pressa de amar...
O seu amor trás saudades, me da felicidade me faz sentir viva mesmo quando não estás e é assim que amanheço a cada dia , na esperança de vc chegar.AC

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Não tenho tido muito tempo ultimamente mas penso tanto em você que na
hora de dormir vez enquando até sorrio e fico passando a ponta do meu dedo
no lóbulo da sua orelha e repito repito em voz baixa te amo tanto
dorme com os anjos.Mas depois sou eu quem
dorme e sonha, sonho com os anjos...

~ Caio Fernando Abreu
A pessoa certa,a hora certa,o momento certo,
o sentimento certo… a DISTÂNCIA errada.
Meus amados bom dia!
Muitas vezes perdemos nosso tempo procurando a nossa felicidade nos outros e nas coisa que estão ao nosso redor....mais só a sentimos de verdade quando a encontramos dentro de nós, na luz da alma...
Somos responsáveis por nossos sorrisos, ninguém tem o poder de transformar e roubar nossa essencia , temos o poder de dar o que recebemos, temos o poder de todos os dias fazermos novas escolhas , assim renovamos os sonhos...renovamos a vida e cresce dentro de nós a vontade de doar este enorme amor que sentimos e que ultrapassa as barreiras da nossa própria existencia....AC
A pessoa certa,a hora certa,o momento certo,
o sentimento certo… a DISTÂNCIA errada.    A saudade imensa!

quinta-feira, 25 de agosto de 2011


Nunca disse
"Eu quero ficar sozinha. Eu apenas disse: 
     "Eu quero ser deixada em paz."
             Existe toda uma diferença

HUMANO DEMAIS


Somos pedaços de Deus
sob o signo do tempo,
corpo de luz esvaído
ao frágil sopro das horas,
borboleta encarcerada
na inércia dos casulos.
Somos o verbo inflamado
que nem se sabe murmúrio.

Sísifos de eras modernas,
divisamos, consternados,
a queda sem-fim dos dias.
Somos ribalta em penumbra,
flor de luto, fogo-fátuo,
ar rarefeito, centelha
que ignora e traz em si
a essência da fogueira.

Alimárias do universo,
erguemos, inconsequentes,
o fardo livre do arbítrio.
Somos migalhas do eterno,
ouro vulgar de Eldorado,
mirante entre turbilhões,
luz em mãos de moribundo,
face-mistério da lua.

Bando de pássaros mudos
que ao toque do Ângelus fere
um céu sedento de canto,
somos razão em delírio,
rastro de Halley, sol posto,
cenho ferido de morte,
água barrenta que esquece
o veio de onde jorrara.

Somos pedaços de Deus
sob o signo do tempo. Wender Montenegro.

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

As vezes, me pergunto se algum dia alguém vai me encontrar…

10 diferenças entre homens e mulheres no sexo.




Conheça as opiniões de um homem comum, que tenta entender as diferenças entre os sexos. Você concorda com o que ele pensa?



1. Homens e mulheres são diferentes

Sim, nós também sabemos disso. Mas, se você não sacou essa questão por volta dos 4 anos, certamente aprendeu nas aulas de biologia. Não adianta querer usar as mesmas regras, esperar as mesmas coisas de nós, homens. Não é apenas uma questão de fazer sentado ou em pé. Solução: converse com o seu parceiro. Ele certamente vai resistir - culpa de vocês, que adoram uma DR. Mas insista - só não vale vir com um papo de corrigi-lo, afinal, você não quer que ele a associe com a mãe dele... Ou quer? Faz assim, chega como quem não quer nada e diz: ''Querido, deixa eu falar de uma matéria que eu li...''



2. Homens e mulheres amadurecem em velocidades diferentes

E acredite: isso faz toda a diferença na hora do sexo. Para começo de conversa, as mulheres já saem na frente. Quando homens começam a se interessar pelo sexo oposto, vocês já estão às voltas com sutiãs e menstruação faz tempo. Descobrem antes o que querem. Descobrem antes que ainda não somos o que querem. A gente já começa em desvantagem, claro que isso pira a cabeça de todo homem. Solução: tenha paciência com eles.



3. Homens são visuais, mulheres são auditivas

Seja uma mulher bonita passando, uma revista erótica ou a internet inteira... homens se ligam numa imagem. Já as mulheres reagem muito mais a estímulos auditivos - não é à toa que enlouquecem com ídolos musicais. Desde os Beatles já era assim. Solução: use um baby-doll sexy para animá-lo... E em troca peça que ele sussurre em seu ouvido. Ele pode até estranhar, mas com o baby-doll em jogo... Vai rolar!



4. Mulheres dizem que tamanho não é documento

Mentira. Os homens sabem que quando estão só entre vocês todas comentam. E ficam horrorizadas quando é pequeno demais. É lógico que os homens dão a maior importância para isso. Solução: sejam sensíveis. Compartilhem dicas, estimulem, deixem claro que o uso é o que importa. E ajudem a usar.



5. Ahhh, as preliminares...

Entenda uma coisa: homens crescem com o órgão sexual pendurado, cuja anatomia muda completamente quando estão excitados. Faz sentido que, na hora H, eles fiquem loucos para usar o brinquedo de uma vez. Para a mulher é diferente: o corpo inteiro é seu órgão sexual. Solução: conduza. É que é tanta coisa para aprender... Se o homem não consegue entender sozinho, faça com ele. Melhor, segure a onda dele. Afinal, a expectativa do sexo pode chegar a ser melhor que o sexo em si. Não é que o homem não gosta de preliminares. Ele só não entende direito como é que funciona. E disso mulheres entendem bem mais... Dividam essa!



6. Homens, em geral, acham que quanto mais tempo demorarem, melhor.

No fundo, eles só estão mesmo tentando agradar... O problema é que, de novo, para o homem sexo é sinônimo de penetração. O que, na maior parte das vezes, acaba apenas com a mulher dolorida, porque tem uma hora que a lubrificação acaba. Solução: vide a anterior. Se fizer tudo direitinho, com certeza o cara não vai demorar tanto.



7. Homens prezam a quantidade, enquanto as mulheres valorizam mais a qualidade.

Como diz Woody Allen, sexo, até quando é ruim, é bom. Para o homem, é sinal de orgulho dizer que deu três, quatro, cinco numa noite. Para a mulher, vale muito mais uma bem-feita. Para nós, se a mulher topar chamar uma amiga para participar, tanto melhor: se dois é bom, três é demais de bom, sô. Mulheres, como diria, são mais... seletivas. Tem que se esforçar, tem que caprichar. Solução: leve-o a um curso de sexo tântrico.



8. O orgasmo feminino, esse drama na vida dos homens.

Quem mandou vocês, mulheres, acharem mais cômodo fingir? Assim fica difícil aprender. O fato é que o orgasmo masculino e o feminino só têm em comum o nome. É que, para o homem, é uma simples questão de estimulação física (olha nosso amigo lá outra vez). Já para as mulheres envolve tanta coisa... Tem que estar relaxada, tem que estar confiante, tem que estar devidamente estimulada... E, para complicar ainda mais, algumas dizem que gozar nem sempre é essencial. Ok, dá para entender por que vocês fingem. Solução: simples. NÃO FINJAM. Vai incomodar no começo, mas é caindo que se aprende a andar...



9. E o ponto G, que até hoje tem gente que duvida que existe?

Pode ser que seja um tecido entre a vagina e a uretra. PODE ser uma coisa da cabeça. Para chegar lá é complicado: pega a terceira à direita, segue em frente por uns dez minutos, vira no posto - antes de passar o posto, não depois -, conta três postes e aí para e pergunta a alguém. É assim difícil. Sem querer ser chato, mas o do homem fica bem ali, na cabeça do pênis. Afinal, qual é a da mãe natureza? Solução: esse não tem solução... Se mesmo seguindo as anteriores você não chegou lá, de duas uma: ou aprende o caminho sozinha, e depois explica, ou troca de parceiro e torce para ele ir melhor.



10. A maioria dos homens querem transar a três

Sim, é verdade. Quem topa apelar para soluções mais ousadas para os desentendimentos do sexo pode fazer o seguinte: convidar uma amiga para participar, quem sabe vendo as duas fazendo o cara não acaba aprendendo?! Se vai dar certo ou não, não sei... Mas ele com certeza vai adorar!

Fonte: M de mulher

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Coração tenha paciência, vais ser recompensado....Espera ele vai chegar!
Quando menos se espera, o amor vem....não precisa procurar, ele vem te encontrar.
VC AINDA EXISTE : Nos meus sonhos mais escondidos , na solidão da minha alma , no silencio que me assusta , num passado de dor e no presente de esperanças .... AC
Em cada lagrima ....em cada sorriso...no amanhecer e anoitecer em tudo , fora e dentro de mim ,ainda tem vestígio de vc!AC


COMO SÃO AS MAMAS:
As mamas (ou seios) são glândulas e sua função principal é a produção de leite. Elas são compostas de lobos que se dividem em porções menores, os lóbulos, e ductos, que conduzem o leite produzido para fora pelo mamilo. Como todos os outros órgãos do corpo humano, também se encontram nas mamas vasos sanguíneos, que irrigam a mama de sangue, e os vasos linfáticos, por onde circula a linfa. A linfa é um líquido claro que tem uma função semelhante ao sangue de carregar nutrientes para as diversas partes do corpo e recolher as substâncias indesejáveis. Os vasos linfáticos se agrupam no que chamamos de gânglios linfáticos, ou ínguas. Os vasos linfáticos das mamas drenam para gânglios nas axilas (em baixo dos braços) na região do pescoço e no tórax.
OS TIPOS DE CÂNCER DE MAMA:
O câncer de mama ocorre quando as células deste órgão passam a se dividir e se reproduzir muito rápido e de forma desordenada. A maioria dos cânceres de mama acomete as células dos ductos das mamas. Por isso, o câncer de mama mais comum se chama Carcinoma Ductal. Ele pode ser in situ, quando não passa das primeiras camadas de célula destes ductos, ou invasor, quando invade os tecidos em volta. Os cânceres que começam nos lóbulos da mama são chamados de Carcinoma Lobular e são menos comuns que o primeiro. Este tipo de câncer muito freqüentemente acomete as duas mamas. O Carcinoma Inflamatório de mama é um câncer mais raro e normalmente se apresenta de forma agressiva, comprometendo toda a mama, deixando-a vermelha, inchada e quente.
O câncer de mama, como muitos dos cânceres, tem fatores de risco conhecidos. Alguns destes fatores são modificáveis, ou seja, pode-se alterar a exposição que uma pessoa tem a este determinado fator, diminuindo a sua chance de desenvolver este câncer.
Existem também os fatores de proteção. Estes são fatores que, se a pessoa está exposta, a sua chance de desenvolver este câncer é menor.
OS FATORES CONHECIDOS DE RISCO E PROTEÇÃO DO CÂNCER DE MAMA SÃO OS SEGUINTES:
Idade: 
 
O câncer de mama é mais comum em mulheres acima de 50 anos. Quanto maior a idade maior a chance de ter este câncer. Mulheres com menos de 20 anos raramente têm este tipo de câncer.
Exposição excessiva a hormônios: 
 
Terapia de reposição hormonal (hormônios usados para combater os sintomas da menopausa) que contenham os hormônios femininos estrogênio e progesterona aumentam o risco de câncer de mama. Não tomar ou parar de tomar estes hormônios é uma decisão que a mulher deve tomar com o seu médico, pesando os riscos e benefícios desta medicação.
Anticoncepcional oral (pílula) tomado por muitos anos também pode aumentar este risco.
Retirar os ovários cirurgicamente diminui o risco de desenvolver o câncer de mama porque diminui a produção de estrogênio (menopausa cirúrgica).
Algumas medicações "bloqueiam" a ação do estrogênio e são usadas em algumas mulheres que tem um risco muito aumentado de desenvolver este tipo de câncer. Usar estas medicações (como o Tamoxifen) é uma decisão tomada junto com o médico avaliando os risco e benefícios destas medicações.
Radiação: 
 
Faz parte do tratamento de algumas doenças irradiar a região do tórax. Antigamente muitas doenças benignas se tratavam com irradiação. Hoje, este procedimento é praticamente restrito ao tratamento de tumores. Pessoas que necessitaram irradiar a região do tórax ou das mamas têm um maior risco de desenvolver câncer de mama.
Dieta: 
 
Ingerir bebida alcoólica em excesso está associado a um discreto aumento de desenvolver câncer de mama. A associação com a bebida de álcool é proporcional ao que se ingere, ou seja, quanto mais se bebe maior o risco de ter este câncer. Tomar menos de uma dose de bebida alcoólica por dia ajuda a prevenir este tipo de câncer (um cálice de vinho, uma garrafa pequena de cerveja ou uma dose de uísque são exemplos de uma dose de bebida alcoólica).Se beber, portanto, tomar menos que uma dose por dia.
Mulheres obesas têm mais chance de desenvolver câncer de mama, principalmente quando este aumento de peso se dá após a menopausa ou após os 60 anos. Manter-se dentro do peso ideal (veja o cálculo de IMC neste site), principalmente após a menopausa diminui o risco deste tipo de câncer.
Seguir uma dieta saudável, rica em alimentos de origem vegetal com frutas, verduras e legumes e pobre em gordura animal pode diminuir o risco de ter este tipo de câncer. Apesar dos estudos não serem completamente conclusivos sobre este fator de proteção, aderir a um estilo de vida saudável, que inclui este tipo de alimentação, diminui o risco de muitos cânceres, inclusive o câncer de mama (veja Dieta do Mediterrâneo neste site).
Exercício físico: 
 
Exercício físico normalmente diminui a quantidade de hormônio feminino circulante. Como este tipo de tumor está associado a esse hormônio, fazer exercício regularmente diminui o risco de ter câncer de mama, principalmente em mulheres que fazem ou fizeram exercício regular quando jovens.
História ginecológica: 
 
Não ter filhos ou engravidar pela primeira vez tarde (após os 35 anos) é fator de risco para o câncer de mama.
Menstruar muito cedo (com 11 anos, ou antes) ou parar de menstruar muito tarde expõe a mulher mais tempo aos hormônios femininos e por isso aumenta o risco deste câncer.
Amamentar, principalmente por um tempo longo, um ano ou mais somado todos os períodos de amamentação, pode diminuir o risco do câncer de mama
História familiar: 
 
Mulheres que tem parentes de primeiro grau, mães, irmãs ou filhas, com câncer de mama, principalmente se elas tiverem este câncer antes da menopausa, são grupo de risco para desenvolver este câncer.
Apesar de raro, homens também podem ter câncer de mama e ter um parente de primeiro grau, como o pai, com este diagnóstico também eleva o risco familiar para o câncer de mama.
Pessoas deste grupo de risco devem se aconselhar com o seu médico para definir a necessidade de fazer exames para identificar genes que possam estar presentes nestas famílias. Se detectado um maior risco genético, o médico pode propor algumas medidas para diminuir estes riscos. Algumas medidas podem ser bem radicais ou ter efeitos colaterais importantes. Retirar as mamas e tomar Tamoxifen são exemplos destas medidas. A indicação destes procedimentos e a discussão dos prós e contras é individual e deve ser tomada junto com um médico muito experiente nestes casos.
Alterações nas mamas: 
 
Ter tido um câncer de mama prévio é um dos maiores fatores de risco para este tipo de câncer. Manter-se dentro do peso ideal, fazer exercício físico, seguir corretamente as recomendações do seu médico e fazer os exames de revisão anuais são medidas importantes para diminuir a volta do tumor ou ter um segundo tumor de mama.
Ter feito biópsias mesmo que para condições benignas está associado a um maior risco de ter câncer de mama.
Mamas densas na mamografia está associado a um maior risco para este tumor. É muito importante que a mamografia seja feita em um serviço qualificado e que o exame seja comparado com exames anteriores.
SINTOMAS DO CÂNCER DE MAMA:
O câncer de mama normalmente não dói. A mulher pode sentir um nódulo (ou caroço) que anteriormente ela não sentia. Isso deve fazer ela procurar o seu médico. O médico vai palpar as mamas, as axilas e a região do pescoço e clavículas e se sentir um nódulo na mama pedirá uma mamografia.
A mulher também pode notar uma deformidade na suas mamas, ou as mamas podem estar assimétricas. Ou ainda pode notar uma retração na pele ou um líquido sanguinolento saindo pelo mamilo. Nos casos mais adiantados pode aparecer uma "ferida" (ulceração) na pele com odor muito desagradável.
No caso de carcinoma inflamatório a mama pode aumentar rapidamente de volume, ficando quente e vermelha.
Na maioria dos casos, a mulher é a responsável pela primeira suspeita de um câncer. É fundamental que ela conheça as suas mamas e saiba quando alguma coisa anormal está acontecendo. As mamas se modificam ao longo do ciclo menstrual e ao longo da vida. Porém, alterações agudas e sintomas como os relacionados acima devem fazer a mulher procurar o seu médico rapidamente. Só ele pode dizer se estas alterações podem ou não ser um câncer. 
COMO SE FAZ O DIAGNÓSTICO DE CÂNCER DE MAMA:
A mamografia é um Rx das mamas. Este exame também é feito para detecção precoce do câncer quando a mulher faz o exame mesmo sem ter nenhum sintoma. Caso a mama seja muito densa, o médico também vai pedir uma ecografia das mamas.
Se a mamografia mostra uma lesão suspeita, o médico indicará uma biópsia que pode ser feita por agulha fina ou por agulha grossa. Geralmente, esta biópsia é feita com a ajuda de uma ecografia para localizar bem o nódulo que será coletado o material, se o nódulo não for facilmente palpável. Após a coleta, o material é examinado por um patologista (exame anátomo-patológico) que definirá se esta lesão pode ser um câncer ou não.
TRATAMENTO PARA O CÂNCER DE MAMA:
Existem vários tipos de tratamento para o câncer de mama. São vários os fatores que definem o que é mais adequado em cada caso. Antes da decisão de que tipo de tratamento é mais adequado o médico analisa o resultado do exame anátomo-patológico da biópsia ou da cirurgia se esta já tiver sido feita. Além disso, o médico pede exames de laboratório e de imagem para definir qual a extensão do tumor e se ele saiu da mama e se alojou em outras partes do corpo.
Se o tumor for pequeno, o primeiro procedimento é uma cirurgia onde se tira o tumor. Dependendo do tamanho da mama, da localização do tumor e do possível resultado estético da cirurgia, o cirurgião retira só o nódulo, uma parte da mama (geralmente um quarto da mama ou setorectomia) ou retira a mama inteira (mastectomia) e os gânglios axilares.
As características do tumor retirado e a extensão da cirurgia definem se a mulher necessitará de mais algum tratamento complementar ou não. Geralmente, se a mama não foi toda retirada, ela é encaminhada para radioterapia.
Dependendo do estadiamento, ou seja, quão avançada está a doença (tamanho, número de nódulos axilares comprometidos e envolvimento de outras áreas do corpo), também será indicada quimioterapia ou hormonioterapia. Radioterapia é o tratamento que se faz aplicando raios para eliminar qualquer célula que tenha sobrado no local da cirurgia que por ser tão pequena não foi localizada pelo cirurgião nem pelo patologista. Este tratamento é feito numa máquina e a duração e intensidade dependem das características do tumor e da paciente.
Quimioterapia é o uso de medicamentos, geralmente intravenosos, que matam células malignas circulantes. O tipo de quimioterápico utilizado depende se a mulher já está na menopausa e a extensão da sua doença. Hormonioterapia é o uso de medicações que bloqueiam a ação dos hormônios que aumentam o risco de desenvolver este tipo de câncer. Este tratamento é dado para aquelas pacientes em que o tumor mostrou ter estes receptores positivos (receptor de estrogênio e receptor de progesterona).
DETECÇÃO PRECOCE DO CÂNCER DE MAMA:
O exame de palpação realizado pelo médico e a mamografia são os exames realizados para uma detecção precoce desse tipo de câncer.
COMO O MÉDICO FAZ ESSE EXAME?
O exame mais fácil de se realizar para se detectar uma alteração da mama é o exame de palpação. Neste exame o médico palpa toda a mama, a região da axila e a parte superior do tronco em busca de algum nódulo ou alteração da pele, como retração ou endurecimento, e de alguma alteração no mamilo.
A mamografia é um Raio X das mamas e das porções das axilas mais próximas das mamas. Nesse exame, o radiologista procura imagens sugestivas de alterações do tecido mamário e dos gânglios da axila. A ecografia das mamas pode auxiliar o radiologista a definir que tipo de alterações são essas.
Esses exames, quando realizados anualmente ou mais freqüentemente, dependendo da história individual da paciente (presença de fatores de risco ou história de tumores e biópsias prévias), pode diminuir a mortalidade por esse tipo de tumor, quando realizados entre os 50 e os 69 anos.
Porém, este tipo de tumor tem características diferentes para populações diferentes. Isto altera o quanto a mamografia é eficaz em diminuir a mortalidade por este tipo de tumor.
Realizar esses exames entre os 40 e os 49 anos pode diminuir a mortalidade por este tipo de tumor, mas o efeito dessa diminuição só se dará quando essas mulheres tiverem mais de 50 anos.