Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 19 de maio de 2011


Choro por mim e por aqueles que como eu também choram. Choro pela crueldade do mundo. Pela desordem, desunião. Choro pela falta de esperança, pela fé depositada nos materiais. Choro pelos fúteis e pelos fracos. Insensíveis e ignorantes. Choro por tentar ser diferente, em fazer essa canção por chorar. Choro em ver o quão será difícil fazer você também chorar e nesse pranto ver o quanto temos pra chorar. Choro por serem assim as coisas desse mundo. Choro em saber que pertenço a este mundo. Choro em tentar me afastar de tudo o que me fez e faz chorar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário